‘NAS’ e a fusão entre indivíduo e ambiente

nas-talks-doubts-illmatic

‘N.Y.  State of Mind’ é certamente uma das melhores canções já realizadas na história do Hip-Hop, sendo conhecida também como o coração do álbum Illmatic. Nas criou uma narrativa musical em que a psicologia e a sociedade se inter-relacionam, desse modo, a cidade de Nova York está dentro da alma do eu-lírico e também dos personagens que o rodeiam, sendo que essa mesma cidade acaba regendo suas vidas e tornando-se visível por meio de ações e comportamentos. O rapper realizou perfeitamente uma fusão entre indivíduo e ambiente, apresentando um protagonista repleto de abismos subjetivos e conectado aos mecanismos sociais e à violenta cidade de Nova York.

É necessário ressaltar que Nas utiliza-se de um flow(ritmo/levada) mais rápido nessa música, consequentemente ele representa habilmente seu estado de espírito que nunca deve descansar, já que como ele mesmo anuncia: “Eu nunca durmo, pois o sono é o primo da morte”. O eu-lírico permanece em estado de alerta e neurose o tempo todo na narrativa musical, podemos observar este elemento nas seguintes rimas: “Tem negros mais jovens apertando seus gatilhos, trazendo fama à seus nomes/ Tomando posse das ruas, gangues sem armas não existem mais/ Em plena luz do dia, marginais, eles vêm pra cima de nós”.

O rapper adota um estilo seco para contar sua história, tudo de modo consciente para que o ouvinte mergulhe junto com ele no universo áspero e sufocante de Nova York, além disso, do ponto de vista estrutural, Nas recorre à narração em primeira pessoa, fornecendo verossimilhança a ‘N.Y.  State of Mind’. Em muitos momentos da narrativa musical, temos situações descritas de forma minuciosa e regadas por uma tensão hitchcokiana que mexe com os centros nervosos do ouvinte, sendo que o exemplo máximo dessa tensão está concentrado nas seguintes rimas: “Ouvi umas garotas dizendo que o meu braço tremeu, não pude olhar/ Dei um aperto e ouvi o click, minha parada está presa/ Tentei engatilhar, não queria disparar, agora estou em perigo”.

‘N.Y.  State of Mind’ é, acima de tudo, um rap que funciona como um filme na cabeça do ouvinte, onde personagens e ambiente fundem-se na mesma esfera, em que o tom documental propicia ao ouvinte caminhar lado a lado com o rapper na selva de pedra chamada New York.   

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s